Você Está Aqui: Home » Cultura
Coberturas
5ª FEIJOADA DA IMPRENSA

5ª FEIJOADA DA IMPRENSA

A animação dos convidados ficou por conta das bandas Ycaro e Vitorio jr e da Banda Santa Dose quem tem a frente a cantora Nanara Belo que com toda sua simpatia e alegria botou todo ...

4º FORRÓ DA IMPRENSA, SUCESSO ABSOLUTO

4º FORRÓ DA IMPRENSA, SUCESSO ABSOLUTO

Fotos: David Mayer e Maria do Carmo ...

IPEC realiza a 15ª edição do Consumidor & Marcas

IPEC realiza a 15ª edição do Consumidor & Marcas

  O IPEC - Instituto de Pesquisas Científicas de Pernambuco realizou na noite do último dia (06/12), a entrega da premiação dos melhores do ano de 2013 – Consumidores & Ma ...

4ª noite do São João de Arcoverde

4ª noite do São João de Arcoverde

Cesar Menotti & Fabiano levam multidão na praça da Bandeira Foto: João Tavares ...

Arcoverde comemora o 19º Aniversário do Samba de Coco Raízes

A Secretaria de Cultura e Comunicação da Prefeitura de Arcoverde apoia o 19º Aniversário do Samba de Coco Raízes de Arcoverde, com a estrutura de luz, palco, banheiro e som. A festa acontece nesta sexta, sábado e domingo, dias 18, 19 e 20, respectivamente, no Alto do Cruzeiro e tem acesso gratuito para todos. O evento vai contar com 32 atrações musicais de todas as regiões, além de palestras e oficinas de fabricação de pífano, arte e de dança de coco. Durante a festa será gravado o primeiro DVD do Samba de Coco Raízes de Arcoverde com participação especial do Grupo Cabras de Lampião, Coco Kapinawá e Adiel Luna. Na programação estão previstas apresentações de teatro, bois, maracatu, coco, samba, forró, xaxado e muito mais, garantindo vários gêneros durante os três dias de festa. Estão confirmadas as presenças dos grupos como o Coco Trupé, Sertão Maracatu, Maracatu Raízes do Sertão, Júnior Saigon, Elza Arawi, Chapa e o Projeto Bateria, Grupo Bongá, Cultura Urbana, Forró de Candeeiro, Flávio Leandro, Karynna Spinelli, Lia Morais entre outros.   Arte: Samba de Coco Raízes de Arcoverde ...

Leia Mais

ARCOVERDE RECEBE 1º ENCONTRO DE CARROS ANTIGOS

Nos dias 29 e 30 de julho, acontece o “1º Encontro de Carros Antigos em Arcoverde”, voltado ao público que é fã dos carros antigos. No evento os visitantes poderão ver exemplares únicos de automóveis que ajudam a contar a história da indústria automobilística. Os veículos ficarão expostos no Receptivo da cidade. O evento, que é gratuito, conta com o apoio da Prefeitura e de várias instituições. De acordo com a organização, cerca de 200 veículos serão exibidos ao público, vindos do norte e nordeste. Os visitantes poderão tirar fotos e ouvir as histórias sobre cada carro. A exposição traz um mix variado de carros e marcas, será a primeira vez que a cidade recebe uma mostra de carros antigos. Os veículos em exposição serão os mais variados modelos, como o Cadilac, Landau, Opala, Fusca, entre outros. A finalidade deste evento é oferecer mais uma opção de passeio e lazer para os arcoverdenses. A realização deste encontro de carros promete agitar as férias na cidade bem como atrair colecionadores e admiradores de carros antigos. Segundo os organizadores Jaime e Pablo do lava Jato quem tiver seu carro antigo e querer expor no 1º Encontro de Carros Antigos a inscrição será (1 Kg de alimento não perecível e agasalhos). Os participantes concorrerão a vários prêmios de acordo com as categorias dos veículos, além do sorteio de brindes. Ainda no sábado, às 15h, acontece uma carreata dos carros antigos saindo do Receptivo e percorrendo as principais avenidas da cidade. Às 17h acontece a premiação dos carros destaques do I Encontro de Carros Antigos de Arcoverde seguido de show musical. Já no domingo, a exposição abre às 08h e segue até às 14h com o encerramento após as bênçãos do Diácono Lourenço. ...

Leia Mais

Prefeitura e Cocar avaliam Caminhada do Forró 2017

A Secretaria de Cultura e Comunicação recebeu, nesta quinta-feira (20), a equipe da Prefeitura e do Cocar,  para avaliação da Caminhada do Forró, ocorrida no último São João de Arcoverde. Entre as pessoas estavam o vice-prefeito Wellington Araújo; a secretária Desenvolvimento Econômico Jussara Pereira; o diretor de Desenvolvimento Econômico Shaadad; o diretor do Cecora, Paulo Sérgio; a secretária de Cultura e Comunicação Teresa Padilha; o diretor Executivo de Cultura, Vinícius Carvalho; o técnico da Arcotrans, Adrovandro Moura e o integrante do Coletivo Cultural de Arcoverde - Cocar, Kleber Araújo. “Temos consciência que o evento deixou de ser uma brincadeira de amigos. Em 2017, entramos para o Calendário de Eventos do município e considero que tivemos um estrondoso sucesso.”, avaliou Kleber. A Caminhada do Forró existe há sete anos e, especificamente, neste ano triplicou em quantidade de pessoas e estrutura. Foram cerca de 10 mil pessoas, entre foliões, sanfoneiros e poetas, que percorreram as ruas da cidade num cortejo saído do Polo da Estação da Cultura até o Cecora. Durante a reunião foram identificados alguns pontos  para possíveis melhorias em 2018. O diretor do Cecora informou os números da movimentação econômica gerada durante o evento no centro comercial. “Mesmo sendo feriado, o Cecora abriu para receber a Caminhada e, com isso, chegou a ter cerca de R$ 250 mil em movimentação econômica entre todos os segmentos de confecção, calçados alimentação e, inclusive, da feira”, esclareceu Paulo. O evento contou com atrações como Valdinho Paes, Mazinho de Arcoverde, Derico Alves, Contadores de História, entre outros forrozeiros e sanfaneiros, que garantiram a animação da festa. “Neste ano, a prefeita Madalena determinou um apoio maior ao evento , que tem importante valor cultural e agrega ainda mais ao nosso São João. Podemos considerar que essa foi a melhor Caminhada de todos os tempos”, enfatizou o vice-prefeito Wellington. Para 2018, a Caminhada do Forró já tem d ...

Leia Mais

Serra Talhada recebe o “Tributo a Virgolino – A Celebração do Cangaço – 120 Anos de Lampião”, com mais de 40 atividades culturais gratuitas

No dia 7 de julho de 1987, nascia no Sítio Passagem das Pedras, zona rural de Serra Talhada, Sertão de Pernambuco, Virgulino Ferreira da Silva, popularmente conhecido como Lampião. Para celebrar os 120 anos do Rei do Cangaço, umas das figuras históricas mais importantes do Nordeste e do Brasil, a Fundação Cultural Cabras de Lampião, entre os dias 26 e 30 de julho, o “Tributo a Virgolino – A Celebração do Cangaço – 120 Anos de Lampião”, com uma extensa programação gratuita - serão 47 atividades culturais, entre filmes, espetáculos teatrais, exposições fotográficas, shows, quadrilhas juninas, poetas, contadores de causos e capoeiristas, entre outras.   Segundo a presidente da Fundação Cultural Cabras de Lampião, Cleonice Maria dos Santos a ideia é ir além do aniversário do célebre cangaceiro. “Esse é o mote para celebrarmos nossa cultura, valorizando o potencial de Serra Talhada, unificando diferentes linguagens artísticas”, afirma. A movimentação cultural acontece na Escola de Referência em Ensino Médio Professor Adauto Carvalho (EREMPAC), no Colégio Municipal Cônego Torres, na área de alimentação da Feira Livre, no Museu do Cangaço e na Estação do Forró (antiga Estação Ferroviária),   Na agenda, estão os grupos Sertão Frevo, As Belas da Vila, Resistência das Ruas e Gilvan Santos, além de Zé de Oliveira e Francinaldo Oliveira, Adênio Mourato no Forró de Todo Mundo, Damião Enésio e Zé Carlos do Pajeú, Rinaldo Aleixo e Zé Bartolomeu, Banda de Pífanos Santo Antonio, Grupo de Xaxado Cabras de Lampião, Bacamarteiros do Pajeú e Marquinhos do Acordeom e o Forró Danado de Bom.   Será exibido também durante todos os dias do evento o espetáculo “O Massacre de Angico – A Morte de Lampião”, sempre às 20h, na Estação do Forró, sob o lema “O Maior Espetáculo ao Ar Livre do Sertão Nordestino”. A expectativa é reunir mais de 50 mil pessoas nos cinco dias da temporada. À frente da encenação, que conta com 50 atores e 70 figurantes, além de 40 profissionais na equipe té ...

Leia Mais

Forró e sertanejo se misturam e encantam as mais de 80 mil pessoas que lotaram a quinta noite do São João de Petrolina

A quinta noite de festas em Petrolina foi mais uma confirmação de que a cidade faz o melhor São João do País. Nessa terça-feira (20), o Pátio de Eventos Ana das Carrancas esteve novamente lotado para as apresentações de grandes nomes da música regional e nacional. De acordo com a Polícia Militar, o pátio de eventos teve o seu dia de maior público desde o início desta edição. No palco, o que se viu foi um mix de atrações que agradou uma plateia de diferentes gostos. A noite de shows foi aberta com o forró pé-de-serra de Targino Gondim, seguido pelo arrocha dançante de Ciel Rodrigues. Por volta das 22h, Dorgival Dantas subiu ao palco e fez todo mundo dançar e cantar suas músicas. Representante do tradicional forró nordestino, Dorgival apresentou grandes sucessos que se tornaram conhecidos na sua voz e na de outros artistas. Com um jeito simples e encantador de ser, o poeta ressaltou a importância para um artista tocar em um grande evento como o São João de Petrolina. “Agradeço a Deus e a toda a organização por ter me dado mais um presente que é estar aqui nesse São João, que é referência e importante na vida de qualquer artista que quer fazer sucesso. Eu estou muito feliz por estar aqui em Petrolina, onde eu me sinto muito bem, como se eu estivesse realmente em casa”, afirmou Dorgival. Em seguida foi a vez da atração mais esperada da noite. Marília Mendonça agradeceu o carinho do público e abriu o coração ao falar do início da carreira e do recente sucesso como uma das principais referências do sertanejo universitário. “Tudo o que eu sonhei era muito pequeno diante de tudo o que está acontecendo. Sou muito grata a todos os fãs, principalmente aos fãs do Nordeste que me abraçaram desde o começo, toda a galera aqui de Petrolina que me abraçou com um amor tão gigante”, declarou a diva do feminejo. Um dos momentos mais marcantes da noite foi quando Marília Mendonça convidou Dorgival Dantas para cantarem juntos um dos grandes sucessos do poeta. O público foi ao delírio com ...

Leia Mais

Em plena segunda-feira, público marca presença no São João de Petrolina

A noite dessa segunda-feira (19) já prometia ser de fortes emoções. O artista local, Samuel Menino de Rua, abriu a festa que teria ainda apresentações de Lenno e Felipão, além de grandes nomes da música nacional como Bell Marques e a dupla Jorge & Mateus. Uma das atrações mais aguardadas do São João de Petrolina, a maior dupla do Sertanejo Universitário do Brasil matou a saudade dos fãs e encantou o público apaixonado que cantou junto do início ao fim do show. “A gente já estava com saudade de Petrolina, e a gente só tem a agradecer por tocar aqui. É muito bom voltar e sentir esse calor humano gostoso numa festa tão organizada que é, com certeza, um grande exemplo pra outras festas do Brasil”, exaltou Jorge. Em seguida, Bell Marques subiu ao palco e mostrou que além do melhor da Axé music, também sabe fazer a galera dançar agarradinho. O cantor relembrou o início da sua carreira, época em que fazia sucesso cantando forró, e trouxe um repertório com releituras de grandes clássicos da sua carreira no ritmo nordestino, além de presentear o público com uma singela homenagem a Raul Seixas. “Eu fico muito feliz por estar aqui, onde eu me sinto em casa. Eu me sinto muito bem quando participo de eventos juninos porque eu adoro forró e tenho um repertório só de sucessos nesse ritmo. E tenho também a minha história com o Axé, que todos, mesmo em eventos de forró, pedem porque querem ouvir os meus grandes hits, e no fim todos se divertem”, declarou Bell. Para finalizar mais uma noite de festa, foi a vez de Felipão agitar o Pátio de Eventos com o melhor do forró com swing – estilo lançado pelo artista desde os tempos da banda Forró Moral. “Depois de dois grandes shows nacionais, pra gente é muita alegria poder fazer parte desse evento tão grande, sem dúvida o maior do Brasil. O que viemos fazer foi jogar o astral ainda mais pra cima, fazendo esse forró percussivo e swingado bem gostoso que a galera já conhece”, concluiu o cantor. Para essa terça-feira (20), quem for ao Páti ...

Leia Mais

Lenine estreia no São João com show em Arcoverde

Lenine e sua banda formada por JR Tostoi, Bruno Giorgi, Pantico Rocha e Guila juntam a zabumba, agogô e triângulo às guitarras, baixo e bateria para um mergulho em suas raízes no próximo dia 23 de junho, em Arcoverde.  O resultado é um espetáculo repleto de sucessos, que inclui uma homenagem aos mestres Ary Lobo e Selma do Coco em uma show especial que o cantautor prepara para sua estreia nos festejos juninos. “Respeito a cultura popular e expressão que está associada a esta época e trago toda uma memória afetiva das festas ao som de xote, baião, coco e passeio na roça. O Ary Lobo, com o disco “O último pau de arara”, é uma das primeiras coisas que eu ouvi. E toda a alegria da Dona Selma do Coco, com quem tive o prazer de dividir o palco”, conta Lenine. Na mesma noite, no Polo Multicultural,ainda se apresentam grupos de coco e Harry Estigado. ...

Leia Mais

Rap e rock dão o tom do Polo Arraiá da Burra

Jovens músicos da cena underground de Arcoverde e região se apresentam até o domingo (26)   Todas as culturas cabem no São João de Arcoverde. Mais que o tema da festa deste ano, este é um desafio permanente, que está envolvendo artistas das mais diversas cenas da cidade, inclusive a galera do rap e do rock alternativo. Na batalha por espaços onde possam divulgar suas composições autorais ou mesmo releituras de canções já consagradas do rock internacional, os jovens artistas da cena underground arcoverdense dominam, em mais um ciclo junino, o Polo Arraiá da Burra. “A história desse polo começou ainda em 2004, após a formação de um conjunto de bandas na cidade que foram bastante influenciadas pelo manguebeat e que buscaram misturar elementos das nossas tradições com os da música universal”, explica Rodolfo Barreto. Um dos fundadores do Sistema Calango (movimento de resistência cultural surgido ainda no final da década de 1990), Rodolfo conta ainda que “o momento é de retomada, de juntar todo mundo que faz música hoje em Arcoverde e recuperar a força que já tivemos”. Símbolo desta nova fase é o movimento “Reação Calango”, que agrega as oito bandas de metal, punk rock e metal industrial em atuação na cidade e que, mais recentemente, passou a contar com os MCs e grupos de rap, a expressão que mais tem crescido nos últimos anos, dentro deste cenário. Formada em novembro de 2016, a “Cordel de Vagabundo” já é um dos destaques da cena local e assumiu a responsabilidade de fechar a noite do sábado (17), a primeira da história do polo dedicada exclusivamente ao rap. “É bem diferente trazer a cultura do hip hop, que vem da rua, para a cultura do São João, mas essa mistura é que é interessante”, avalia Pingo, um dos MCs da Cordel. Ao seu lado, Zord, parceiro de grupo, complementa: “Arcoverde tem artista bom em todas as vertentes, tem que acabar com o preconceito e abrir espaço pra todo mundo fazer sua arte”. Com apenas 19 anos, Zord revela uma compreensão madura sobre a inf ...

Leia Mais

Mestres da Cultura Popular aprovam mudanças no Polo Raízes do Coco

Primeiro fim de semana de shows atraiu mais de 10 mil pessoas ao Alto do Cruzeiro  Iran Calixto, do Samba de Coco Raízes de Arcoverde, lembra bem de quando sua família tomou a iniciativa de transformar o Alto do Cruzeiro em um polo de animação do São João da cidade. "Começou bem humilde, em frente à sede do Coco, a gente alugava um som pequeno, chamava umas bandinhas de forró pé de serra e depois passava o chapéu e fazia até um bingo de dois bodes para ajudar a pagar os custos", narra a coquista. Quase vinte anos depois, Iran não consegue esconder o encantamento com a transformação do Polo Raízes do Coco neste São João 2017: "Estou maravilhada, agradecida de coração a todos que ajudaram nessa mudança, que está dando mais conforto não só pra quem vem tocar, mas também pro público que ama nossa cultura e vem pra curtir". Com um palco maior, um reforçado sistema de som e iluminação e ainda áreas de camarins e produção, o Polo Raízes do Coco inaugura neste São João um novo momento de sua história. Quem passou por lá no primeiro fim de semana pôde constatar que a valorização da cultura popular não depende apenas da contratação de mestres e grupos tradicionais, mas também de garantir estrutura adequada para as apresentações, à altura da inestimável contribuição dos grupos para a preservação da cultura pernambucana. "Tá tudo muito organizado, antes não tinha tudo isso, essa estrutura de verdade. Quero parabenizar a Prefeitura pela criação da Secretaria de Cultura e Comunicação e a todas as pessoas que estão fazendo esse trabalho lindo", registrou Werner Lopes, do Samba de Coco Irmãs Lopes, que apresentou no domingo (18), o repertório de "Meu Canário Cantadô", o mais recente CD do grupo. Com mais de 50 anos dedicado à tradição do coco, Mestre Ciço Gomes subiu ao palco no sábado (17), com toda a turma do Trupé de Arcoverde. Ao final, também fez questão de destacar sua alegria: "Foi boa essa mudança porque lá em cima tava muito apertado, não tinha mais condições de receber as ...

Leia Mais

Cocar lança camisa da Caminhada do Forró

Na noite chuvosa de ontem (16/6), o COCAR deu oficialmente a largada na sua programação junina com a prévia da VII CAMINHADA DO FORRÓ DE ARCOVERDE. O evento ocorreu no Bar Tom Choppim, que recebeu um grande público para conhecer a camisa do evento e cair no forró. A prévia contou com a presença de diversos músicos que participarão da cortejo junino do dia 24 de junho, além de patrocinadores/apoiadores do evento, veículos de mídia e do público em geral. Na ocasião foram entregues camisas aos artistas, patrocinadores e apoiadores do evento. A arte da camisa foi preparada especialmente pelo artista plástico Sebastião Rodrigues e retrata os festejos juninos, dando destaque ao sanfoneiro Valdecir Vicente, homenageado da Caminhada do Forró, que compareceu à prévia com amigos e familiares. Após a entrega de um quadro com arte da Caminhada, Valdecir Vicente pousou para fotos com os demais sanfoneiros presentes e iniciou a festa tocando canções tradicionais do ciclo junino. A partir de então, o forró tomou conta do ambiente com o grupo Arte Nordestina, liderado pelo músico Inácio Pé-de-Grea. A camisa, que custa 20 reais, tem feito grande sucesso e a procura tem sido intensa. Restam poucas unidades para serem comercializadas, as quais foram distribuídas em diversos pontos pela cidade. As vendas estão sendo feitas no Bar Madeira de Lei, Loja Maria Fulô (Joene Aragão), Budega da Poesia, Carraspana da Lalá, Loja de Airton (CECORA) e Hotel Cruzeiro. A CAMINHADA DO FORRÓ acontece dia 24 de junho, com concentração a partir das 10h no Bar Madeira de Lei, de onde o cortejo sairá para o CECORA, local que contará com estrutura de palco e bares para abrigar a apoteose do evento. Já foi confirmado show do cantor Valdinho Paes, que iniciará sua apresentação logo após a chegada da Caminhada. Outras atrações estão sendo programadas. O evento é realizado pelo COCAR e conta com apoio daPrefeitura Municipal de Arcoverde, Sesc, Fundarpe, Grupo de Socorristas Voluntários de Arcoverde e patrocíni ...

Leia Mais

Feijoada de Seu João abre temporada junina em Arcoverde

O primeiro evento junina da temporada no segundo maior poló junino do estado, aconteceu no último domingo (11), no espaço de festas Era uma Vez, em Arcoverde, com a primeira edição da Feijoada de Seu João. A festa contou com shows de Valdinho Paes, Coco das Irmãs Lopes e do Forró na Mídia, além das participações dos cantores Ricardo França e Jú Cavalcanti, e lotou o espaço de festa, com todas as camisas esgotadas. Com uma linda ambientação e com um serviço gourmet que serviu uma suculenta feijoada para os convidados, além de um espaço de beleza assinado pelo blogueiro Adam Nunes, a feijoada se sagrou como um dos eventos mais charmosos do São João 2017 de Arcoverde. O cantor Valdinho Paes foi a responsável por abrir a festa, fazendo releituras de hits de autentico forró pé de serra, o mesmo cantou músicas de Alcymar Monteiro, Geraldinho Lins, Dominguinhos, Santanna, Assisão, Irah Caldeira, dentre outros forrozeiros. Além de um repertório muito bem escolhido, o cantor não deixou ninguém parado no salão. Depois foi a vez da grande apresentação da festa, o centenário Samba de Coco das Irmãs Lopes, que antes de subir ao palco, já adentrou o espaço de festas cantando no meio do povo e colocando todos os convidados para dançarem muito samba de coco, ritmo que deu a Arcoverde, o título de Capital do ritmo. O grupo mostrou canções de seu primeiro CD, Anda a Roda, como Vaqueiro e sucessos já clássicos como Eu vou cortar capim,(já regravada na voz de Genival Lacerda), Godê Pavão, Coqueiro Novo e Quero vê no balancê. O público dançou e cantou do começo ao fim da apresentação. Para encerrar a noite em grande estilo, foi a vez de Israel e o Forró na Mídia assumir o palco. O cantor mostrou um pouco o que será hit no são joão desse ano, reunindo canções de artistas consagrados como Xand Avião, Wesley Safadão, Márcia Felipe e de alguns sertanejos como Simone e Simaria, Marilía Mendonça, Henrique e Juliano, Mateus e Kauan e também os hits da sua carreira. No repertório, estavam músic ...

Leia Mais

Sesc Arcoverde promove esquenta para o São João nesta sexta-feira (9/6)

Os preparativos para o São João de Arcoverde estão a todo vapor no Sesc Arcoverde, com o Happy Hour Reuniões Dançantes, que terá muito forró para o público. A atração será o Forrozão Rei do Cangaço, a partir das 22h. Os ingressos custam R$ 11 para comerciários e dependentes e R$ 22 para o público em geral. ...

Leia Mais

Festa de Santo Antônio, em Ipojuca, começa nesta sexta-feira (09)

A prefeita Madalena Britto participa nesta sexta-feira, dia 09, da abertura da 104ª Festa de Santo Antônio, a partir das 18h quando começa a apresentação da Orquestra Filarmônica Joaquim Belarmino Duarte. Em seguida, às 19h, começa a celebração da Missa, cujos noiteiros são a própria Prefeitura de Arcoverde e a Câmara de Vereadores. A festa, que tem o apoio da Municipalidade, já é bem tradicional e acontece no Povoado de Ipojuca. Estão previstas várias atrações para o lado profano da festa. Nesta sexta, dia 09, vai se apresentar às 22h, Cícero do Acordeon e Trio Só Brasil. A partir da meia-noite vai ser a vez de George Silva e os Pariceiros. Na sexta-feira da próxima semana, dia 16, a animação vai ficar por conta de Patrões na Farra (às 22h) e em seguida, Forró do Candeeiro. O encerramento, no dia 17, ficará a cargo de Adilson Medeiros e Banda e a partir da meia-noite, Jorge do Sinal. A programação do novenário, em louvor a Santo Antonio, inclui celebrações religiosas diárias, começando na sexta-feira (09/06) e encerrando no domingo, dia 18 de junho, quando vai ter a procissão com a imagem do padroeiro e a entrega da bandeira aos novos juízes. Além das novenas que serão diárias, estão previstas uma quermesse e vaquejadas. ...

Leia Mais

© 2016. Jornal Portal do Sertão. Todos os direitos reservados

ARTEAVANTE
Scroll to top